Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura.
Índice do Canal.
Assista On Line a TV Net Babillons
Assista On Line a TV Net Babillons

Exportação de pequenas empresas pode superar meta

De acordo com o secretário de Indústria e Comércio do Ministério do Desenvolvimento, Édson Lupatini, a meta de 10% de crescimento para 2010 pode ser superada com a entrada do setor de serviços.
A participação das micro e pequenas empresas nas exportações podem superar a meta de crescimento de 10% em 2010, conforme estabelece a Política de Desenvolvimento Produtivo (PDP) do Governo Federal. Essa possibilidade de incremento leva em conta principalmente a participação do segmento que atua no setor de serviços.
Foi o que disse o secretário de Indústria e Comércio do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), Édson Lupatini, ao participar, ontem (17), de debates promovidos pelo Sebrae dentro do '1° Encontro de Comércio Exterior com foco no Mercosul', o Encomex Mercosul realizado em Foz do Iguaçu (PR).
Lupatini explicou que, na época em que meta de 10% foi estabelecida, eram consideradas apenas micro e pequenas empresas que exportavam bens. Mas agora isso inclui aquelas que atuam no mercado externo no setor de serviços.
"Temos, hoje, 63 mil pessoas físicas que exportam serviços, que também podem vir a ser uma micro ou pequena empresa. E pessoas jurídicas temos em torno de 28 mil, das quais entre 75% a 80% se referem a micro e pequenos empreendimentos. Então, certamente ultrapassaremos a meta de 10%", disse o secretário.
O painel organizado pelo Sebrae tratou sobre 'Estratégias de Internacionalização de Micro e Pequenas Empresas e Mercado de Fronteira'. Nele, representantes do Sebrae expuseram estratégias da Instituição nessa área. Foram destacados o Programa da Internacionalização das Micro e Pequenas Empresas e ações voltadas ao segmento nas regiões de fronteira, alem de estatísticas sobre a participação do segmento no comércio exterior.
Fonte:Agência Sebrae
18/09/2009