Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura.
Índice do Canal.
Assista On Line a TV Net Babillons
Assista On Line a TV Net Babillons

Copa do Mundo ajudou comércio a vender mais em maio, diz IBGE

A Copa do Mundo da África do Sul, disputada no período de 11 de junho a 11 de julho deste ano, foi um dos fatores que contribuíram para a alta de 10,2% nas vendas do comércio em maio em comparação com o mesmo mês de 2009. A conclusão é do economista Reinaldo Silva Pereira, com base na Pesquisa Mensal de Comércio de maio divulgada hoje (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
“O evento da Copa do Mundo levou a uma antecipação de compras [em maio], principalmente na parte de eletrodomésticos e televisores”, disse Pereira. O segmento de móveis e eletrodomésticos teve alta de 19,5% nas vendas nesse período e respondeu por 20,1% do crescimento do comércio varejista.
Para o economista do IBGE, o aumento da massa salarial que vem ocorrendo no Brasil também contribuiu para a alta de 10,2% nas vendas de maio. “Acredito que esse aumento se deva ao aumento da massa salarial desses últimos 12 meses, com aumento na renda do trabalho e redução da taxa de desemprego”, disse Pereira.
Ele ressaltou que a alta de 10,2% também é reflexo do baixo crescimento do comércio em maio de 2009, mês-base da comparação. Como o mês-base teve pequeno crescimento, o aumento de maio deste ano parece ainda maior.
Outros setores que contribuíram para a alta das vendas foram o de hipermercados, supermercados e produtos alimentícios (8,2%), que respondeu por 25,5% do crescimento do comércio varejista, e de veículos, motos e peças (6,4%), que respondeu por 22,6% desse aumento geral.
Entre as unidades da federação, 16 cresceram acima da média em maio deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado, com destaque para Rondônia e o Tocantins, com altas de 42,0% e 40,1%, respectivamente. As 11 demais cresceram abaixo da média nacional de 10,2%, com Santa Catarina (5,5%) e o Piauí (4,3%) apresentando os resultados mais baixos. (Vitor Abdala)
Fonte: Agência Brasil.
13/07/2010