Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura.
Índice do Canal.
Assista On Line a TV Net Babillons
Assista On Line a TV Net Babillons

Peru espera 400 empresas em fórum da Aspa

A 3ª Cúpula América do Sul-Países Árabes (Aspa) não será apenas um encontro de chefes de estado e ministros, mas também uma oportunidade para empresários das duas regiões fazerem negócios. Paralelamente à reunião de cúpula, será realizada, no dia 15 de fevereiro, a Aspa Ceo Summit, um fórum empresarial organizado pela Sociedade de Comércio Exterior do Peru (ComexPeru).
De acordo com a entidade, são esperados 400 empresários para o fórum. Até o momento já existem 170 empresas sul-americanas inscritas e 50 de países árabes. A ComexPeru acredita que esse número vai crescer conforme o evento se aproxima. As empresas cadastradas representam setores como agricultura, construção, bancário, energia (petróleo e gás), tecnologia da informação e comunicação, farmacêutico, logística, piscicultura, têxtil e turismo.
Para participar do evento é preciso ser convidado e, para tanto, é necessário se cadastrar no site do fórum (www.aspaceosummit2011.org). Quando a inscrição do participante é feita, ele tem a opção de pedir o agendamento de encontros com companhias de seu interesse. Qualquer empresa sul-americana ou árabe pode participar do evento.
Segundo o Presidente do ComexPeru, Alfonso García Miró, o encontro com líderes empresariais dos países árabes representa uma oportunidade única de aproximação com um mercado de mais de 300 milhões de pessoas. “A Aspa Ceo Summit pode contribuir para o aumento das exportações do Peru. O bloco árabe compra do mundo cerca de US$ 600 bilhões e tem projetos de investimentos no exterior de US$ 163 bilhões”, disse Miró, em nota.
De acordo com ele, as rodadas de negócios vão permitir que empresários de ambas as regiões façam negócios específicos e tornem-se parceiros. “No mundo árabe existem fortes economias emergentes, o que diversifica as possibilidades de negócios para a região sul-americana”, afirmou.
Durante o fórum, vão ocorrer palestras com autoridades de ambas as regiões. Entre os temas a serem discutidos estão infraestrutura, energia, água, segurança alimentar e recursos naturais.
As atividades da Cúpula América do Sul-Países Árabes serão realizadas de 12 a 16. No período, o governo brasileiro espera dar continuidade às negociações de acordos econômicos, sociais, ambientais e culturais com os países árabes. (Marina Sarruf)
Fonte: ANBA.
31/01/2011