Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura.
Índice do Canal.
Assista On Line a TV Net Babillons
Assista On Line a TV Net Babillons

Exportação de cooperativas foi recorde no bimestre

Embarques somaram US$ 764 milhões nos dois primeiros meses de 2012, um aumento de 21% em comparação com o mesmo período do ano passado.
O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) informou nesta terça-feira (13) que as exportações das cooperativas brasileiras cresceram 21,1% no primeiro bimestre de 2012, em comparação ao mesmo período de 2011, e chegaram a US$ 764,1 milhões, valor recorde para os dois primeiros meses do ano.
Segundo o MDIC, 99 empresas do gênero exportaram em janeiro e fevereiro, principalmente produtos do agronegócio. Os itens com maior peso na pauta foram o açúcar refinado, com US$ 125,5 milhões exportados, farelo de soja (US$ 91,7 milhões), carne de frango (US$ 87,6 milhões) e soja em grãos (US$ 64,6 milhões).
Entre os embarques que mais cresceram, de acordo com o ministério, estão os de arroz, algodão debulhado, milho para semeadura, suco de laranja congelado e estanho, que é um mineral metálico, não um produto do agronegócio.
As cooperativas exportaram para 105 países, sendo que os principais destinos no bimestre foram os Estados Unidos, China, Alemanha, Holanda e Espanha. O Paraná foi o principal estado fornecedor, seguido de São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
Na outra mão, as cooperativas importaram o equivalente a US$ 35,06 milhões, 0,2% a menos do que no mesmo período do ano passado. A maioria das importações dessas empresas é de insumos agropecuários. O superávit comercial do setor ficou em US$ 729 milhões, também recorde para o período.
Fonte: ANBA - Agência Nacional Brasil Árabe.
13/03/2012