Abertura
Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.

Perfil

Diego Capulto é um jovem ator apaixonado pelo Teatro, iniciou sua carreira artística aos 15 anos em produções amadoras, tem sua base profissional no Teatro onde se realiza e também se diverte.
Estudou Teatro e não mais parou; já fez participações na TV, busca novos projetos e interpretações mais expressivas.
Diego trabalha também com projetos sociais, atendendo pessoas carentes e ensinando a arte. Espera que o público tenha uma nova consciência em relação ao Teatro.

Portal Net Babillons
Diego, você como um dos personagens da Peça "Jovem Estudante Procura", diga como está sendo a receptividade do público e quanto tempo ela está em cartaz?
Diego
Esta é uma outra montagem; a peça foi escrita pelo João Brandão, em 99; ele ganhou o Prêmio Coca-Cola com esta peça e a partir daí teve a primeira montagem, agora a gente está com uma nova e estamos viajando com a Chaim Produções. Estamos viajando desde março, fizemos São Paulo, Interior de SP, Interior de MG, aí descemos aqui para o Sul, hoje estamos aqui em São Francisco do Sul, após vamos à Florianópolis, aí damos um tempinho e no segundo semestre voltamos a viajar. Eu estou achando excelente cada dia, apesar do cansaço que é enorme, porque todo o dia a gente vai dormir super tarde e acorda muito cedo para divulgar a peça, mas quando a gente chega aqui no palco e despeja toda a energia, aí dá uma reanimada, a respiração do público dá um gás para a gente poder continuar nesta cansativa estrada.

Foto: GMG
A Apresentadora do Portal Net Babillons, Ghianny Lopes Pereira, Entrevista o Ator Diego Capulto após o descontraído e divertido Espetáculo "Jovem Estudante Procura".

Portal Net Babillons
Como aconteceu essa opção pelo Teatro?
Diego
Na verdade a gente nunca sabe pontualmente porque escolheu essa carreira, acredito que a gente acaba sendo escolhido. Até os meus 15 anos fazia teatro na escola e daí em diante fui fazer a minha primeira montagem teatral que era após um curso, tomei uma primeira portada na cara porque o Diretor abandonou a gente, disse que éramos amadores. Aí eu disse: não é assim não! Vou correr atrás do que quero, não importa, podem fechar várias portas na minha cara. Quando subi no palco pela primeira vez me deu um enorme prazer, fui indo e terminei os meus estudos, fiz um terceiro grau paralelo, e junto a isso estudei teatro, fiz Cau, Tablado, UFI, Oficinas, alguns cursos e várias peças, nisso consegui criar um enorme aprendizado no palco. Quando você está com uma peça, tem na frente a platéia e um feedback, na hora acontecem coisas em cena que você tem que se virar, continuar e se divertir, que é o mais bacana. Geralmente a gente não consegue segurar muito o riso em cena (risos), deixa extravasar mesmo, ainda mais quando é uma comédia e as pessoas estão ali para se divertirem com a gente; isso é muito bom, então se a gente se diverte e fica feliz, o público também fica.

Foto: GMG
O Jovem Ator Diego Capulto em momento de descontração,
disse para Ghianny L. Pereira que acredita no momento certo e está aguardando o seu para poder mostrar tudo o que aprendeu, enfim seu potencial.

Portal Net Babillons
O que é mais fácil fazer drama ou comédia?
Diego
São completamente diferentes um do outro, a respiração e concentração são diferentes, na verdade eu não vejo como mais fácil, ou mais difícil, todos os dois dependem de concentração e empenho. Se você gostar do que está fazendo, seja drama ou comédia, o importante é que faça o melhor.

Portal Net Babillons
Diego, quais foram os seus principais trabalhos?
Diego
Desde que comecei a minha base toda foi o teatro, com João Brandão no Tablado; atualmente eu faço a assistência de direção dele, lá no Tablado. Na TV eu já fiz algumas participações, mas ainda não peguei um personagem maior, não fico triste por isso, eu acho que cada um tem o seu momento e continuo fazendo o meu trabalho no teatro, quando aparecem testes para a TV vou lá e faço, tomo outra porta na cara (risos) mas isso aí não tem problema não, eu já acostumei, vou continuar atrás e persistindo.

Portal Net Babillons
Quais os seus planos para este ano?
Diego
Este ano não estava com o projeto de estar viajando com a peça, inicialmente eu fui para ensaiar com o pessoal, fiz assistente de direção do João Brandão, e acabei viajando com o pessoal, no meio do caminho como alguns deles tem gravação e outros compromissos e tudo mais, acabei substituindo, estou fazendo o “Ozo” que era o papel do Daniel Del Sarto. Agora a gente para, e volto para Niterói, no Rio de Janeiro, que eu sou de lá e tem um projeto que a gente faz, trabalho com as Escolas Municipais e a galera mais carente, a gente trabalha com eles dando aula, fazendo peças, montagens e voltar lá para o Tablado também. Vou seguir com a peça que a gente sempre faz no fim de ano com a turma, a gente ensaia e a seguir aproveitando cada brechinha o que de bom aparecer, entra para ver o que acontece.

 

 

Foto: GMG
O Ator Diego Capulto cede Entrevista exclusiva para o Portal Net Babillons, conta seus projetos e aspirações artísticas.

Portal Net Babillons
Diego você atua só como ator, ou já trabalhou como modelo?
Diego
Não, sempre como Ator, nunca modelei, na verdade eu já fiz alguns trabalhos comerciais, mas sempre como Ator, eu nem tenho altura para trabalhar como Modelo, só se fosse fotográfico mesmo. (risos)

Portal Net Babillons
Diga um Ator ou Atriz que você admira muito o trabalho no Teatro?
Diego
Eu não conseguiria falar de só um Ator que admiro, o qual me espelho, na verdade até os ruins são bons. Com essa coisa de estar viajando, conhecendo e troca elenco e nas peças a gente acaba convivendo com muitas personalidades diferentes e você tem que saber lidar com a personalidade de cada um e aprende com essas pessoas, fora do palco também. O bacana é que a gente, na vida, tem de estar sempre aprendendo, se reciclando, enfim, olhando as coisas boas e pegando para você e as coisas ruins, tirando de você, sempre tentando crescer.
Não vejo um só que diga: esse é o cara, são muitas pessoas talentosas, às vezes, nem tem tanta projeção, mas estão aí no Teatro ralando, com um grande talento.
Por exemplo, o Leandro Rassun, que para mim é um enorme comediante e inclusive fez a primeira montagem do "Jovem Estudante Procura" que chamava Independência, ele fazia o Salvador, é um excelente Ator; a Magda Gomes que também fez a primeira montagem, são Atores que não são tão conhecidos, ele é mais conhecido do que ela, mas foi o que eu disse, o talento não está simplesmente em quem está com a cara em foco, está em milhares de pessoas, como o pessoal da técnica, por exemplo, que está lá se empenhando, que faz a iluminação, que dá todo um ambiente para a gente; essa sinergia é o essencial para a gente fazer um trabalho bacana.

Foto: GMG
O Ator Diego Capulto fala que mesmo com as leis de incentivo é muito difícil fazer Teatro no Brasil, existe muita burocracia para se montar um bom espetáculo.

Portal Net Babillons
Diego, sendo você um Ator que trabalha mais com o Teatro, em sua opinião, como está o Teatro no Brasil?
Diego
A dificuldade que a gente sempre encontra, é para fazer a montagem em termos financeiros, porque o Governo cria algumas opções, tem leis e tal, mas na prática é difícil você conseguir captar dinheiro nas empresas, porque tem uma série de burocracias e acaba sendo difícil levantar um espetáculo. Então, estou feliz da vida por estar trabalhando com a Chaim Produções que é uma empresa de Teatro que acho muito bacana, esse império que a Chaim construiu, de produzir peças de teatro e se estou na Chaim Produções, isso é referência. Sem dúvida o Teatro está crescendo cada vez mais! Em compensação já trabalhei com muita gente que não tinha condições, que juntava os trapinhos ali no Teatro Posto 6 e se apresentava do jeito que podia.
Quem vai ao Teatro assistir um espetáculo, sai renovado; esta peça inclusive é bacana porque a gente a está apresentando para uma platéia bem nova, que tem entre 14, 15 anos de idade e nunca foi ao Teatro. A gente acredita que além de todo o trabalho que a gente faz, nos divertimos, também acabamos fazendo a formação de novas platéias, de daqui a algum tempo. Quando a gente voltar, eles irão novamente ver a gente, aí então eu acredito em crescimento de um trabalho contínuo que é o que a Chaim Produções faz, estar sempre com várias peças rodando por todo o Brasil, com temporadas no Rio e em São Paulo. Então, junto com eles, com essa iniciativa, vejo uma ótima perspectiva de crescimento do Teatro e eu espero que outros Produtores, também tenham o mesmo empenho de acreditar num sonho, que é o de fazer Teatro, que é maravilhoso, muito bom. Bem, muito obrigado! Estou feliz da vida por estar aqui conversando com vocês, agora vou dar uma atenção ao pessoal que assistiu a peça. Escuta só a gritaria, lá fora, os fãs (risos) e muito obrigada mesmo por estarem aqui, por terem vindo e estarem divulgando o Teatro no Brasil. Valeu!

Foto: GMG
Simpático, Diego Capulto disse à Apresentadora Ghianny Lopes Pereira que vai continuar correndo atrás de seus sonhos. O Portal Net Babillons incentiva e acredita em novos talentos artísticos.

 

Portal Net Babillons, 24 de Maio de 2006.

VEJA MAIS...

Página de aberturaÍndice de notícias.

Índice do Canal.
Diego Capulto
Ator