Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura

Orquestra Sinfônica do Paraná Abre Festival de Teatro de Curitiba

A Orquestra Sinfônica do Paraná, sob a regência do maestro Alessandro Sangiorgi, fará a abertura do 15º Festival de Teatro de Curitiba, no dia 15 de março, às 20 horas, no Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (Guairão). Esta será a primeira vez que o Festival será aberto com a Orquestra e não com uma peça de teatro. A apresentação será apenas para convidados. No programa, História do Soldado, de Igor Stravinsky e West Side History, de Leonard Bernstein.
A História do Soldado terá como solistas Paulo Torres (violino), Maria Helena Salomão (contrabaixo), André Ehrlich (clarinete), Edinaldo Bachega (fagote), Marco César Xavier (trompete). Sílvio José Gontigo (trombone) e Marco Goulart (percussão).
A obra mistura narração, dança, pantomima, teatro e música, e foi baseada em uma história russa sobre temas folclóricos, intencionalmente tola, fantasiosa, em resposta ao caos e miséria provocados pela guerra. Conta a narrativa que um soldado comum teria negociado seu violino com o diabo em troca de um livro que previsse o futuro. Ao invés do soldado estar armado com um rifle, granadas ou bombas está armado com um violino.
Stravinsky, indignado com a morte de milhões de soldados, escreveu esta obra na Suíça, país neutro e calmo durante a primeira guerra mundial. O texto é do novelista suíço Charles-Ferdinand Ramuz e a coreografia original de Anna Sokolow. O texto será apresentado pelo ator Luis Melo, com direção cênica de Márcio Abreu.
Na segunda parte do programa, a OSP apresenta Danças Sinfônicas de West Side Story, de Leonard Bernstein. Apesar de a idéia ter sido apresentada ao maestro em 1949, ele só a finalizou em 1957, depois de sofrer inúmeras modificações. Incumbiu Stephen Sondheim de escrever os poemas.
A sua estréia foi um sucesso tão fantástico que desencadeou cerca de 700 apresentações. É considerado um dos musicais mais bem escritos, obtendo sucesso imediato não só nos Estados Unidos, como na Europa, depois de uma exibição em Londres. É considerado ainda o maior sucesso da música pré Beatles e um dos mais vendidos da Broadway. A fórmula do sucesso de West Side Story foi a mistura que Bernstein fez entre ópera e balé.
O título sugere a rivalidade entre duas gangues de rua, o Jets e os Sharks, apresentados através dos aspectos da dança, melhor que os aspectos líricos expressos no texto, onde são explorados ritmos latinos e o jazz americano.
Fonte: Governo do Estado do Paraná
01/03/2006


 

Página de aberturaÍndice de notícias.

Índice do Canal