Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura

Governador Cid Gomes recebe Presidente da República de Cabo Verde

O Governador Cid Gomes recebeu nesta quara-feira (21), em seu gabinete no Palácio Iracema, o presidente da República de Cabo Verde, Pedro Pires. Durante a visita de cortesia, o Presidente cabo-verdiano conversou com o Governador sobre a possibilidade de estabelecer uma cooperação cultural, científica e tecnológica com o Ceará, envolvendo principalmente as três universidades estaduais. O presidente e sua delegação estavam acompanhados pelo Embaixador do Brasil naquele país, Vítor Gobato. No gabinete do Governador, reuniram-se aos secretários da Cultura, Auto Filho; Ciência e Tecnologia, Renê Barreira; Turismo, Bismarck Maia; e o presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico do Ceará, Ivan Bezerra. Após a reunião no gabinete do Governador, foi realizado um almoço no Palácio Iracema. Cooperação Cid Gomes destacou na oportunidade que o grau de relação entre o Estado do Ceará e a República de Cabo Verde tem se solidificado nos últimos anos e que ele fará o possível para estreitar ainda mais esses laços. Afirmou ainda que pretende viajar em breve àquele País, para retribuir a visita. “Nós temos muitas coisas em comum, até mesmo a questão das secas”, disse. O Governador pediu aos secretários estaduais presentes que estudassem maneiras de estabelecer de forma concreta um acordo de cooperação com Cabo Verde. Pediu especificamente ao Secretário Renê Barreira que analisasse as condições das universidades estaduais de receberem alunos daquele País para cursos de pós-graduação. Isso porque estudantes cabo-verdianos têm vindo cada vez mais ao Brasil para estudar. O presidente de Cabo Verde, Pedro Pires, veio a Fortaleza para receber da Universidade Federal do Ceará, o título de Doutor Honoris Causa. Trata-se do primeiro Presidente de um país estrangeiro a receber esse titulo da nossa universidade, em solenidade realizada ontem (20). No encontro com o governador Cid Gomes, ele destacou que Cabo Verde está ligada ao Ceará de vários modos, a começar pelos dois vôos diretos semanais ligando Fortaleza à Ilha do Sal. “Isso vem intensificando as relações humanas, culturais, científicas e econômicas”, destacou ele, acrescentando que esse é um bom momento para tratar das relações entre os dois, já que seu governo está interessado na educação e formação científica de seu povo. O embaixador Vitor Gobato disse ao governador Cid Gomes que a experiência do Brasil com Cabo Verde tem sido muito particular. Através do Conselho Federal de Medicina, por exemplo, nosso país já assegurou a formação e pós-graduação de mais de 65 médicos cabo-verdianos. “Atualmente, temos outros 180 fazendo pós-graduação”, informou, dizendo que aquele País quer atrair investimentos e, para isso, investe em educação para formar os interlocutores que vão interagir com os investidores. Para o Secretário da Cultura, Auto Filho, o interesse maior é a cooperação cultural, científica e tecnológica. A idéia, segundo ele, é estabelecer um protocolo geral que atenda às demandas do nosso Estado e daquele País. Já o Secretário de Ciência e Tecnologia, Renê Barreira, disse que a idéia é fortalecer a cooperação envolvendo as três universidades estaduais com a universidade cabo-verdiana, uma vez que a ligação econômica entre Cabo Verde e Ceará já é bastante intensa.
(Lúcia Stedile)
Fonte: Governo do Estado do Ceará.
21/03/2007

Página de aberturaÍndice de notícias.

Índice do Canal