Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura

Blumenau poderá ter uma unidade do Conservatório Tchaicovski

O governador Luiz Henrique e o prefeito de Blumenau, João Paulo Kleinübing, têm encontro com o reitor Conservatório P.J. Tchaikowski, Tigran Alikchanov, na terça-feira (23), em Moscou. No mesmo dia, Luiz Henrique se encontra com o diretor do Departamento de Cooperação Internacional do Ministério da Agricultura russo, Andrey Vershinin. A proposta inicial é a assinatura de um acordo de cooperação técnica dentro da nova estrutura do Teatro Carlos Gomes, explica Kleinübing. "Pretendemos, em seguida, evoluir para a instalação de uma unidade do Conservatório no local", acrescentou. "O Teatro Carlos Gomes tem um proposta arrojada e pretende oferecer uma das melhores estruturas do País, tanto para apresentações comopara as escolas", salienta o prefeito.
De acordo com presidente da Sociedade Dramático Musical Carlos Gomes, que gerencia o teatro, Ricardo Stodieck, a expectativa é duplicar a estrutura física do Carlos Gomes. O novo espaço contará com um auditório de 1.200 lugares, dedicados exclusivamente à música. O atual será reservado para ópera e teatro. A ampliação contará ainda com um salão de festa e três andares de estacionamentos. "O investimento na nova estrutura está estimada em R$ 50 milhões", adianta Stodeck. O projeto foi apresentado ao governador Luiz Henirque, que sugeriu a busca de parcerias internacionais para viabilizar a obra.
A montagem de uma companhia de danças com a primeira turma de alunos da Escola Bolshoi, de Joinville, será o assunto da reunião do governador e do presidente do Instituto Bolshoi, de Joinville, Valdir Steglich, com o diretor do Teatro Bolshoi, de Moscou, Guennardi Yanin, na seqüência da agenda. "Será uma companhia pequena, com cerca de 10 dançarinos, mas profissional", afirmou Kazaryan. Com a direção do Teatro ele também pretende tratar da formatura da primeira turma brasileira. A solenidade está agendada para os dias 6 e 7 de dezembro, em Joinville. "São 42 alunos, com idades variando entre 16 e 18 anos", informou.
Kazaryan salientou que alguns dançarinos já deixaram a escola para serem contratados em outros países. Este é o caso de Luciana Voltolline, que está trabalhando no Boston Ballet, nos Estados Unidos. Acompanham Luiz Henrique nesta missão os secretários Ivo Carminatti (Coordenação) e Alexandre Fernandes (Assuntos Estratégicos), o presidente da SCGás, Ivan Ranzollin; o diretor de Planejamento da Casan, César Luca; e os deputados Jailson Lima, Antônio Aguiar, Darcide Matos e Kennedy Nunes.
Fonte: Secretaria de Estado de Comunicação - Governo do Estado de Santa Catarina
22/10/2007


Página de aberturaÍndice de notícias.

Índice do Canal