Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura

Rio terá 48 horas ininterruptas de atividades culturais em junho

Quatro palcos principais, lonas culturais, teatros, praças públicas, cinemas, bibliotecas e 48 horas seguidas de atividades diversas sendo realizadas ao mesmo tempo no Rio de Janeiro. É o Viradão Carioca, projeto criado pela Secretaria Municipal de Cultura que será promovido nos dias 5, 6 e 7 de junho. Durante esses três dias, cerca de 300 atrações, como shows musicais, filmes, exposições de artes plásticas e ciclo de literatura, entre outros, serão apresentadas na cidade, com ingressos gratuitos ou a preços populares.
A secretária Jandira Feghali anunciou hoje (20) a programação parcial do evento e disse que um dos objetivos do projeto é estimular a integração das regiões da cidade por meio da arte.
“Vamos apresentar ao público da zona sul eventos e artistas da zona norte, artistas da zona oeste ao centro. Além disso, boa parte da programação vai ser ao ar livre e gratuita, como os grandes palcos da Praça Quinze e de Santa Cruz”, disse a secretária.
Segundo ela, também estão programadas sessões de cinema nas praças até de madrugada, uma exposição contemporânea na Praça Tiradentes e o Ciclo de Leitura Nelson Rodrigues. “O Rio está precisando de uma sacudida como essa, e o carioca vai voltar a ocupar as ruas da cidade.”
O Viradão Carioca é similar ao evento Virada Cultural em São Paulo, já na quinta edição, com atrações por 24 horas. O ineditismo da versão carioca, na opinião de Jandira, é que no Rio as atividades serão realizadas em todas as zonas da cidade e apresentam linguagens diferentes da vida cultural de seus habitantes.
“O Viradão Carioca é a expressão da nova gestão da cultura do Rio de Janeiro, que é o fortalecimento da diversidade e da pluralidade cultural da cidade, por meio da ocupação do espaço público”, afirmou Jandira. O Viradão, adiantou, será uma programação anual.
O evento, que custará à prefeitura R$ 2 milhões, conta com apoio institucional de empresas privadas e parceria com a Secretaria Estadual de Cultura do Rio. (Flávia Villela)
Fonte:Agência Brasil.
20/05/2009




Página de aberturaÍndice de notícias.

Índice do Canal