Fale conosco, e-mail, telefone e endereço.
Abertura

Participação de milhares de pessoas na Flip comprova que há fome de arte, diz escritor

Um pouco antes do apagar das luzes no encerramento da 7ª Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), o jornalista e escritor Humberto Werneck foi flagrado tentando encontrar explicação para o fato de 25 mil pessoas terem se deslocado até Paraty, cidade histórica do Rio de Janeiro, para ouvir e falar sobre literatura durante cinco dias. Após mediar a mesa Antologia Pessoal, dedicada ao poeta Manuel Bandeira, homenageado nesta edição, encerrada ontem (5), Werneck concluiu que a literatura é uma “necessidade imperiosa”.
“O mundo, tal como nos é dado, é intolerável. Então, você recria esse mundo como escritor, pintor, cineasta, teatrólogo, músico. Essa inconformidade com a realidade e a vontade de mudá-la não são exclusivas do artista. A presença de milhares de pessoas aqui atesta que há uma fome muito grande de arte”, afirmou.
No encerramento da 7ª Flip, sete dos 34 escritores convidados leram trechos dos seus livros de cabeceira. Antes, porém, o palco principal foi tomado de pura poesia. O professor Edson Nery da Fonseca, amigo e correspondente de Manuel Bandeira, e o ex-aluno do poeta Zuenir Ventura foram instigados por Werneck a abrir a memória.
O jornalista fez uma interessante viagem sobre a vida de Bandeira, ainda sob o impacto da emocionante entrevista com o escritor português António Lobo Antunes, destaque da Flip, na noite anterior. Na bagagem dos 41 anos de experiência, Werneck acumula lembranças de entrevistas que fez com grandes nomes da literatura, como Clarice Lispector, Carlos Drummond de Andrade, Vinícius de Moraes e João Cabral de Mello Neto. Com outro português, o Prêmio Nobel de Literatura José Saramago, passou uma semana.
“Eu sei, portanto, distinguir um grande escritor, que não é apenas um bom escritor. E Lobo Antunes é um dos grandes escritores do nosso tempo. Não estou exagerando. Estou falando de um dos grandes autores do grande tempo”, definiu. “Foi um momento como poucos na Flip”, completou. (Lísia Gusmão)
Fonte: Agência Brasil.
06/07/2009

 

 


Página de aberturaÍndice de notícias.

Índice do Canal